Maledicência e Racismo

É natural vermos imagens e vídeos sendo postados frequentemente nos aplicativos de celulares/redes sociais, etc. e é incrível como estes se tornam “populares” quando denigrem a imagem de alguém. Parece que cada vez mais as pessoas tem “prazer” em rir dos outros e espalhar a maledicência no mundo.

Recentemente foram publicadas algumas matérias na mídia a respeito de um casal da cidade de Muriaé-MG que divulgou algumas de suas fotos em suas redes sociais. Fotos normais de um casal, abraçados, felizes, como qualquer outro. Acontece que alguém (ou um grupo de pessoas, está sendo investigado ainda), criou uma comunidade no facebook com o nome “Dóris Nescau – 3.0 pq o 2.0 noix bebeu”. Por que este nome? Acredito eu que seja porque a moça é negra e o rapaz tem pele clara. Pior que isso é ver o print da página onde existem 330 curtidas. Racismo é crime! Usar a imagem de outras pessoas sem autorização é crime!

Até onde as pessoas podem chegar pelo simples prazer de denegrir a imagem de alguém?

Este é um dos casos em que foi denunciado à polícia e eles estão investigando, mas quantos outros existem? Quantas pessoas nesse momento estão se sentindo mal por conta dessxs agressorxs?

Tomara que encontrem quem criou a página e que punam também quem curtiu! É obrigação de cada um de nós denunciar esse tipo de página. Isso é CRIME. Para denunciar, basta entrar no site da Polícia Federal: http://denuncia.pf.gov.br/ . Se cada um fizer a sua parte, podemos criar uma sociedade melhor.

Anúncios

  1. Deixe um comentário

Dê sua opinião! Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: